Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



E a magia de Natal aconteceu!

por Teresa, em 25.12.14

image.jpg

image.jpg

Nos últimos dois anos o " Pai Natal"'cá de casa tenho sido eu! Nunca julguei receber essa herança mas teve de ser.

Depois do último Pai Natal ( um tio que para nós, a criançada da altura, foi o melhor Pai Natal do mundo!) se ter "aposentado" por cansaço e desgaste deste papel tão exigente, ninguém mais se ofereceu para o fazer.

Hoje em dia, entre adultos e crianças, somos perto de 30 pessoas. E a criançada cada vez é mais esperta e exigente! Mas eu quis manter a tradição e aquela expectativa de que, se se portaram bem o ano inteiro, vão receber a visita do Pai Natal que lhes vai entregar pessoalmente uns presentes bem merecidos . A coisa tem de ser muito de fugida para o nosso amigo não ser reconhecido nunca!

 

Pois este ano tive de fazer o papel por duas vezes no mesmo dia : isto porque pensei primeiro que a minha sobrinha mais nova, de 3 anos, iria adormecer cedo ( na véspera esteve com uma otite) e depois porque sempre julguei que todos os outros miúdos, principalmente os de 8 e 9 anos, já não caiam nessa história do "Pai Natal"

Assim usei a mesma técnica de sempre: apanho a "vítima"ao meu lado ( neste caso a minha sobrinha mais nova) e faço vários telefonemas a mim própria, fingindo que estou a falar com o Pai Natal, que me explica sempre muitas coisas:

"Ai sim está quase a chegar?"

" Estamos todos à sua espera"

" Vem muito carregado? Pois é ...tem muitos meninos para visitar hoje".

" Ai sim? As renas já estão cansadas?!!.. Mas ainda dá para virem até cá?!

Geralmente nesta fase é delirante ver a cara dos miúdos entre um misto de espanto, ansiedade, e excitação!

Chegam mesmo a ver o Pai Natal a passar com as renas à nossa janela !

Eram 8h da noite quando o pai Natal apareceu, só para a sobrinha mais nova.... Desta vez o visual do pai Natal era diferente : era como se viesse da neve, mas com um toque de praia.

Na verdade , para evitar ser reconhecida tive de colocar uns óculos de sol que me ficavam a matar ! Nunca me ri tanto com a minha figura. Entrei à meia luz, cheia de sacos e não me esqueci de fazer o famoso: HO,HO,HO!

A minha sobrinha nem se mexia!!!! Deve ter achado tudo estranhíssimo mas delirou com o monte de presentes que lhe deixei!

 

Os restantes sobrinhos chegaram entretanto e fiquei gaga quando o meu sobrinho Zé me perguntou:

- Ó tia , a tia é que percebe disto... A que horas é que chega o Pai Natal?

E a segunda volta do Pai Natal deu- se por volta da meia noite. Um grande estrondo na porta , e um montão de sacos com um montão de presentes para todos.

O Pai Natal tinha voltado a passar por ali....

 

E a verdadeira magia do Natal aconteceu!!!!!

publicado às 11:06


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Comentários recentes

  • Anónimo

    Também li os livros da Anita na minha infancia. Te...

  • Teresa

    Fico contente quando as pessoas gostam do que escr...

  • fashion

    Gostei muito, Parabéns!

  • Chic'Ana

    A taça é nossa!!! =)

  • Teresa

    É mesmo ! eu adoro a ingenuidade destas idades!


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D


Mensagens